26 de fevereiro de 2012

Benny Joy - Rockabilly pra ninguém

botar defeito...




Biografia
 
Benny Joy não foi um dos maiores sucessos do rockabilly, mas tinha mais histórias do que diversos cantores obscuros no estilo, o que fez com que fosse redescoberto defendido por colecionadores. Guitarrista e vocalista nascido Tampa (EUA), Joy lançou alguns singles raros no final dos anos 50, que não chegaram a lugar nenhum. Embora Benny Joy não tenha feito muito sucesso, foi representado por um tempo por Buck Ram, que agenciava os bem sucedidos Platters. Benny ainda fez algumas gravações em Nashville com músicos como o saxofonista Boots Randolph, o guitarrista Hank Garland e o baterista Buddy Harman, tornando-se bastante reconhecido e envolvido entre os músicos locais.


Embora o movimento de rockabilly tenha esfriado no final dos anos 50, Joy não parecia ter vontade de parar de tocar. Em numerosas gravações ele grita como se quisesse ficar rouco. O músico escreveu a maior parte de seu material, e, embora tenha saído do mesmo nicho de cantores mais conhecidos como Elvis Presley, Buddy Holly e Jerry Lee Lewis, projetou linhas de guitarra dançantes e com uma violência e crueza maior do que a de seus contemporâneos.

Benny Joy também foi um dos primeiros artistas relativamente desconhecidos a excursionar duas vezes pela Europa no final dos anos 50. Depois de romper com Ram, Joy fechou contrato com a Decca. Novamente sem alcançar o sucesso, em 1960 tornou-se apenas compositor de música country, fazendo canções para Stonewall Jackson. Como muitos artistas obscuros do rockabilly, Joy voltou a ser escutado na Inglaterra depois que colecionadores britânicos descobriram seu trabalho, particularmente por seu single de 1958, "Crash the Party".